• put your amazing slogan here!

    Só uma criança...


    Dizem que eu pareço ter 10 anos, enquanto tenho 15. Dizem também que apesar desse meu rosto de menina novinha, eu tenho uma mente mais adulta que de muitas pessoas, principalmente para perversão.Sério? Parece mesmo? Talvez seja, talvez não. E daí? Quem liga? Isso muda alguma coisa na vida de alguém? Não.
    Mas, mesmo assim, as más linguam estao erradas. Posso parecer maliciosa em certos momentos, mas sou inocente demais, ingenua demais.

    Eu creio nas pessoas. Na bondade delas. Nos sentimentos delas. É tolice crer nisso, só pessoas burras fazem isso.. Eu sou burra, ingenua, inocente, boba. Eu acredito nas pessoas que dizem gostar de mim, nas pessoas que dizem ser meus amigos. Uma vez eu acreditei em uma pessoa que dizia ser minha amiga para sempre.. Agora? Nem sei mais quem é. É alguém distante, que vejo de ano em ano. A amizade se foi ou nunca existiu?

    Sou meiga, trato todos bem, me apego rapido, as vezes me apaixono rapido e demora para me desapaixonar, sorrio sempre que possivel, gosto do colo de minha mãe, mal saiu de casa, prefiro ficar no computador do que ir para um festa, vou a igreja e, apesar de tudo, acredito na palavra de Deus, acredito em Deus. E torço para não perder a fé nele como perdi a fé nas pessoas que me cercam. Pessoas más, que iludem com promessas falsas.

    Ao contrario de para muitos, eu prezo a amizade. Eu daria a minha vida por uma ou um amigo de quem gosto muito, acredite. Já chorei horrores quando pensei ter descobrido uma traição de três amigos. Um por ter traído meus sentimentos e ficado com quem eu gostava e os outros dois por terem mentido para mim. Já chorei também em um pesadelo bobo ao me ver perdendo algum amigo. Já chorei ao pensar nos momentos bons que tive com alguma amiga e sei que não voltaram mais.

    No final, eu sou só uma criança que precisa aprender. Aprender que não se acredita nas pessoas.

    3 comentários:

    1. Hum... Um dia há quatro anos, eu desisti de acreditar nas pessoas e, principalmente, em mim mesma.
      Eu tinha sido enganada por uma pessoa a quem amava muito.
      Desisti de tudo e de mim.
      Mas não se engane, amigos sinceros existem. Eles estão sempre por aí. Por mais que pareça difícil de acreditar há muitos "Rafas" e muitas "Vivis" ou ainda "Rodrigos". O problema é que nos fechando para os falsos amigos, nós nos fecharemos para os melhores.

      "Eu daria a minha vida por uma ou um amigo de quem gosto muito, acredite."

      Não desista de acreditar.
      Se bem que o mais incrível é isso, os verdadeiros amigos são aqueles que ainda acreditam, ainda que você tenha perdido a fé em si mesma. Foi isso o que me salvou.

      Adorei o texto. Me lembrou de mim.

      Beijo.

      ResponderExcluir
    2. Fred Medeiros. u-u9 de dezembro de 2010 00:27

      Ah, que fofa . rs
      Confiar nos outros não é burrice,
      é ter o talento de sempre continuar em frente, e sempre ser feliz . <3


      -
      Fred Medeiros ;}

      ResponderExcluir

    Poder� tamb�m gostar de:



     

    Blogger news

    About

    Related Posts with Thumbnails

    Blogroll